Terça-feira
11 de Dezembro de 2018 - 
Telefone: (21) 2524-4508
Telefone 24 horas: (21) 99627-5880
Fax: (21) 2569-8487
WhatsApp/Telegram: (21) 99627-5880
Endereço: Rua Barão de Mesquita, 133, sobrado, parte, Tijuca, Rio de Janeiro, RJ, CEP ...
CASTRO MAGALHÃES SOCIEDADE INDIVIDUAL DE ADVOCACIA

Controle de Processos

Webmail

Newsletter

Previsão do tempo

Hoje - Rio de Janeiro,...

Máx
33ºC
Min
21ºC
Parcialmente Nublado

Quarta-feira - Rio de ...

Máx
33ºC
Min
22ºC
Poss. de Panc. de Ch

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 3,91 3,91
EURO 4,46 4,46
LIBRA ES ... 4,94 4,94
GUARANI 0,00 0,00

Endereço

+55 (21) 2524-4508+55 (21) 2569-8487 FAX+55 (21) 99627-5880

Últimas notícias

Maranhão inicia trabalho de avaliação das metas socioambientais PLS

Foi aberta, na segunda-feira (5/03), a oficina para revisão do Plano de Logística Sustentável do Tribunal de Justiça do Maranhão (PLS/ TJMA), que tem como objetivo a avaliação das metas relacionadas às práticas de sustentabilidade ambiental, social e econômica. Estavam presentes o presidente do TJMA, desembargador José Joaquim Figueiredo dos Anjos, o presidente da Comissão Gestora do PLS, desembargador Jorge Rachid, e o vice-reitor da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), Fernando Carvalho, instituição parceira nas ações socioambientais do Tribunal. A palestra de abertura do evento foi ministrada pela assessora-chefe de Gestão Socioambiental do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Ketlin Scartezini, e por Adriana Tostes, coordenadora de Gestão Ambiental e Social do Tribunal de Justiça do Distrito Federal (TJDFT). "As metas já alcançadas pelo Tribunal, com empenho de seus servidores e magistrados, são animadoras e mostram que podemos fazer muito mais pelo meio ambiente, por um Poder Judiciário sustentável e econômico", disse o presidente José Joaquim Figueiredo dos Anjos, na abertura do evento, que continua nesta terça-feira (6), no auditório do Centro Administrativo do TJMA. “Essa oficina aborda eixos do PLS, uma ferramenta de gestão que permite o aperfeiçoamento contínuo dos gastos públicos, uso sustentável de recursos naturais e bens públicos. Nós já realizamos muito no Tribunal de Justiça e temos ainda mais ações socioambientais planejadas para o uso racional de bens e serviços", afirmou o desembargador Jorge Rachid, na abertura da oficina. Socioambiental O Tribunal de Justiça instituiu o Núcleo Socioambiental por meio da Portaria GP-75/2016, de 15 de janeiro de 2016. A criação do Núcleo segue a Resolução nº 201/2015, do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).Compete ao Núcleo Socioambiental planejar, implementar e monitorar as metas anuais e avaliar os indicadores de desempenho com o objetivo de estimular a reflexão e a mudança de cultura nos padrões de compra, consumo e gestão documental dos órgãos do Judiciário maranhense, incluindo magistrados, servidores, estagiários e terceirizados. Nessa perspectiva são estabelecidas ações, metas, prazos de execução, mecanismos de diagnóstico, metodologia de avaliação dos resultados e o monitoramento do Plano de Logística Sustentável do Tribunal de Justiça do Maranhão.Acesse o Relatório 2017 do Núcleo Socioambiental do TJMA.
07/03/2018 (00:00)
Visitas no site:  190689
© 2018 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.