Sexta-feira
23 de Fevereiro de 2018 - 
Telefone: (21) 2524-4508
Telefone 24 horas: (21) 99627-5880
Fax: (21) 2569-8487
WhatsApp/Telegram: (21) 99627-5880
Endereço: Rua Barão de Mesquita, 133, sobrado, parte, Tijuca, Rio de Janeiro, RJ, CEP ...

Controle de Processos

Webmail

Newsletter

Previsão do tempo

Hoje - Rio de Janeiro,...

Máx
28ºC
Min
24ºC
Chuvas Isoladas

Sábado - Rio de Janei...

Máx
29ºC
Min
23ºC
Nublado com Possibil

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 3,26 3,26
EURO 4,02 4,02
LIBRA ES ... 4,54 4,55
GUARANI 0,00 0,00

Últimas notícias

Confira a programação da Rádio Justiça para esta terça-feira (6)

No quadro Direito Penal, o Revista Justiça desta terça-feira fala sobre apologia e incitação a crimes. A Justiça de São Paulo negou pedido de liminar do Ministério Público e autorizou que o bloco "Porão do DOPS" saia nas ruas do carnaval paulistano. O MP tentou impedir o evento, alegando que o bloco faz apologia à tortura com um nome que homenageia torturadores do regime militar. Mas como a lei classifica o que é apologia? Quais as penalidades? Quem explica é o promotor e especialista em direito penal Antônio Suxberger. No quadro Ética e Justiça, o promotor de Justiça Roberto Livianu fala sobre estudo da organização World Justice Project que coloca o Brasil na 85ª posição de um total de 113 países em matéria de eficiência da Justiça Criminal. Já o quadro Mundo Digital conta com a participação do advogado especialista em direito digital Fernando Peres, que conta as principais novidades do direito ligadas ao meio virtual. No quadro Dicas do Autor, o assunto é o lançamento do livro "Legitimidade da Defensoria Pública para Ajuizar Ação Civil Pública Tendo por Objeto Direitos Transinpiduais". Quem explica os principais pontos da obra é o autor, Jorge Bheron Rocha, mestre em ciências jurídico-criminais. Ao final, o programa conta com a participação de Kênio de Souza Pereira, presidente da Comissão de Direito Imobiliário da OAB-MG, no quadro Direito Imobiliário, explicando as questões legais em torno das assembleias de condomínio. Terça-feira, às 8h. O programa que aborda direito dos consumidores fala, nesta edição, sobre o direito de fumar em determinados locais. Em hotéis, por exemplo, a polêmica é grande. Apesar da definição da proibição de fumar em ambientes fechados, a lei deixa ainda em aberto se os quartos e suítes de hotéis, motéis e pousadas não são ambientes privados, cuja responsabilidade é do locador. Às vésperas de completar nove anos, a legislação trouxe houve mudanças na relação dos empresários do setor e os hóspedes, mas ainda há alguns desentendimentos por conta da interpretação da lei. O advogado especialista em direitos do consumidor e do fornecedor Dori Boucault tira as dúvidas sobre o assunto. Terça-feira, às 13h. A Lei Maria da Penha é o assunto desta tarde. Mesmo com a lei protegendo as mulheres que sofrem com a violência doméstica, a aplicação da norma é restrita. Isso porque, de acordo com reportagem publicada pelo portal Jota, pesquisa do Conselho Nacional de Justiça mostra que muitas das mulheres agredidas têm vínculos afetivos com os agressores, o que impede a aplicação da lei nos mais persos casos de violência. O programa recebe a participação de especialistas para debater o assunto, destacar o que diz a lei, como funciona a sua aplicação e quais as medidas, além dos desafios atuais. Terça-feira, às 14h10. Decisão da Justiça do Trabalho no Rio de Janeiro condenou um banco por discriminação religiosa ocorrida em uma agência contra uma bancária. O valor da indenização por danos morais coletivos é de R$ 100 mil. Foi considerada comprovada a violação à liberdade de crença religiosa, intimidade e dignidade da pessoa humana, extrapolando os interesses inpiduais. Especialistas comentam o assunto. Terça-feira, às 17h. Hector sempre foi um funcionário exemplar da empresa de Ronaldo. Tanto que Ronaldo praticamente forçou o rapaz a ficar noivo da filha única. Mas Hector revelou sofrer de mitomania, que vem a ser uma mania incontrolável de nunca dizer a verdade. Resta saber se essa história é verdade mesmo ou é uma forma que Hector encontrou de fugir desse casamento. Ouça a radionovela em persos horários e versão compacta aos sábados e domingos, às 20h30. A Rádio Justiça é sintonizada em 104,7 FM no Distrito Federal e pode ser ouvida pelo site www.radiojustica.jus.br. Siga a Rádio Justiça pelo Twitter no endereço http://twitter.com/radiojustica. Fonte: Rádio Justiça
05/02/2018 (00:00)
Visitas no site:  130099
© 2018 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.