Segunda-feira
18 de Junho de 2018 - 
Telefone: (21) 2524-4508
Telefone 24 horas: (21) 99627-5880
Fax: (21) 2569-8487
WhatsApp/Telegram: (21) 99627-5880
Endereço: Rua Barão de Mesquita, 133, sobrado, parte, Tijuca, Rio de Janeiro, RJ, CEP ...
CASTRO MAGALHÃES SOCIEDADE INDIVIDUAL DE ADVOCACIA

Controle de Processos

Webmail

Newsletter

Previsão do tempo

Domingo - Rio de Janei...

Máx
24ºC
Min
20ºC
Chuva

Hoje - Rio de Janeiro,...

Máx
21ºC
Min
17ºC
Chuvas Isoladas

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 3,74 3,74
EURO 4,37 4,37
LIBRA ES ... 5,00 5,00
GUARANI 0,00 0,00

Endereço

+55 (21) 2524-4508+55 (21) 2569-8487 FAX+55 (21) 99627-5880

Últimas notícias

Comissão traz especialistas para debater a preservação dos jacarés

Nádia Mendes Na manhã desta segunda-feira, dia 5, a Comissão de Proteção e Defesa dos Animais (CPDA) da OAB/RJ recebeu o presidente do Instituto Jacaré, Ricardo Freitas Filho, para tratar da situação destes animais no Rio de Janeiro e a possibilidade da criação de um santuário da espécie na cidade. “O nosso debate vai girar em torno do que pode ser feito para resolver essa questão”, adiantou o presidente da CPDA, Reynaldo Velloso. Segundo Ricardo Freitas Filho, o Complexo Lagunar de Jacarepaguá tem sido cada vez mais danificado ao longo dos anos. “Trata-se de um sistema entupido, com o despejo de esgoto da cidade, vítima de descaso completo do meio ambiente”, disse. E os jacarés são grandes prejudicados nessa situação. Além da sujeira das lagoas, a caça ilegal de jacarés ocorre com frequência. "Diariamente temos a presença de caçadores na Lagoa da Tijuca, mas não existe nenhuma fiscalização. A Lagoa de Jacarepaguá também registra grande presença de caçadores, sem fiscalização da mesma forma. Muitas vezes em trabalhos noturnos, já que o trabalho com jacarés é noturno, nós cruzamos com barcos que notoriamente são caçadores e não pescadores”, destaca Ricardo, pontuando que entre 2016 e 2018, quase 16 animais foram caçados, todos eles dentro das unidades de conservação. Também participaram do debate o subsecretário de meio ambiente da Prefeitura do Rio de Janeiro, Justino Carvalho; o gerente de fauna do Inea, Eduardo Lardosa; o coordenador de animais exóticos da CPDA, Francisco Carrera; e o advogado Rogério Caldas. O evento foi transmitido ao vivo pelo canal da OAB/RJ no YouTube, onde pode ser assistido na integra.
05/03/2018 (00:00)
Visitas no site:  152991
© 2018 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.